site loader
17 de abril de 2021 Colisão envolve dois carros em Braço do Norte

Colisão envolve dois carros em Braço do Norte

Em Braço do Norte, uma colisão entre dois carros mobilizou os Bombeiros na noite desta sexta-feira. O acidente aconteceu no bairro Vila Nova, entre Braço do Norte e Rio Fortuna pouco antes das 20 horas.

De acordo com os Bombeiros, houve vítimas, mas não foi informada a quantidade. A guarnição comunicou apenas que ao chegar ao local, os socorristas encontraram um dos ocupantes fora do veículo.

17 de abril de 2021 Carmen Zanotto mostra cautela em retomada de shows em SC

Carmen Zanotto mostra cautela em retomada de shows em SC

A secretária de saúde de Santa Catarina, Carmen Zanotto, detalhou, nesta sexta-feira (16) sobre a possibilidade de mudanças nas regras para o setor de eventos. No entanto, foi cautelosa quanto ao retorno de shows no Estado.

Enquanto o número de casos ativos – pessoas que ainda podem transmitir a Covid-19 – cresce diariamente, sendo um aumento de 545, em relação ao boletim de quarta-feira (14) e da última quinta-feira (15), totalizando 21.036, o Governo de Santa Catarina analisa a retomada de shows. “Estamos avaliando. Não podemos ter nenhuma decisão que coloque em risco a vida das pessoas. Porém, não podemos nos furtar de ouvir os segmentos e buscar caminhos para os setores mais sofridos”, explicou a secretária em entrevista ao Grupo ND.

No entanto, as aglomerações em restaurantes, bares e similares vem sendo um grande problema no combate à Covid-19. Assim como beach clubs de Florianópolis que foram flagrados desrespeitando as medidas sanitárias.

“Existem estudos que estamos fazendo para saber o que é possível ajustar. Em relação ao que vimos nas últimas duas semanas (aglomerações), não é proibir aquele tipo de evento, mas que as pessoas não fiquem de pé no salão, sem máscara e sim pensar na forma que permaneçam sentadas neste espaço”, detalhou Carmen Zanotto.

Em seguida, a secretária deu o exemplo do público. “As pessoas que estão em um show, sentadas, vão se comportar durante o evento? Vai gritar, no mínimo, de máscara. Precisamos buscar esses caminhos para evitar esse tipo de coisa”, completou a secretária indicando a necessidade de medidas de seguranças para os artistas e as pessoas que estão trabalhando.

Fonte: NDMais

16 de abril de 2021 Projeto em SC prevê multa para quem faltar na segunda dose da vacina da Covid-19

Projeto em SC prevê multa para quem faltar na segunda dose da vacina da Covid-19

Projeto protocolado nesta quinta-feira (15) pelo vereador Bruno Cunha (Cidadania) prevê punição para as pessoas que não aparecerem para receber a segunda dose da vacina contra a Covid-19 em Blumenau.

A proposta, que altera uma lei complementar de 1995 sobre a política de saúde, propõe a cobrança de uma multa de R$ 200 para quem “agendar vacinação e não comparecer sem prévia justificativa plausível”.

Segundo informações da prefeitura, cerca de 1,5 mil pessoas ignoraram a segunda convocação e não completaram o ciclo de imunização.

O projeto está com a procuradoria da Câmara para elaboração de um parecer sobre a admissibilidade, que será submetido à CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), da qual Bruno é vice-presidente.

A expectativa do vereador é de que o projeto seja votado em plenário dentro de duas semanas. “É um desperdício de dinheiro público e tira a vaga de quem precisa. Além da aprovação do projeto, quero promover essa discussão sobre a importância de mudar esse comportamento”, afirma o vereador, que não descarta ampliar para outras vacinas que são aplicadas regularmente no país.

Fonte: NDMais

16 de abril de 2021 Cerbranorte e Cegero estimam economia de R$ 8 mi/ano nos custos de transmissão com  linha de distribuição

Cerbranorte e Cegero estimam economia de R$ 8 mi/ano nos custos de transmissão com linha de distribuição

Em dezembro a Cerbranorte e a Cegero selaram uma parceria para a construção de uma linha de distribuição de 138kV, da SE Tubarão Sul, localizada no município de 13 de Maio.

A ideia do projeto surgiu no início do segundo semestre de 2020 e estima-se que o investimento seja de cerca de R$ 60 milhões, dividido entre as coirmãs, gerando uma economia de 4 milhões ao ano, para cada cooperativa, nos custos de transmissão da energia.

A Cerbranorte tem como missão “Distribuir energia elétrica aos associados e consumidores com excelência em serviços, atuando com ética, transparência e, de acordo com os princípios cooperativistas, mantendo o equilíbrio econômico da cooperativa”.

Sua visão é “Ser a cooperativa da região com o melhor custo benefício no preço da energia, mantendo a excelência na prestação de serviços de distribuição de energia elétrica”.

Para atingir esses objetivos, explica o gerente José Eduardo Cláudio, as ações da cooperativa devem ser focadas nos investimentos em ampliações e manutenções das redes de distribuição e aquisições de todos os equipamentos e condições necessárias, tanto na compra de uma energia mais barata, quanto para que a distribuição seja realizada de maneira mais eficiente, garantindo a continuidade do fornecimento.

Fonte: Notisul

16 de abril de 2021 Cresol finalizou mais uma edição do projeto Juventude Conectada

Cresol finalizou mais uma edição do projeto Juventude Conectada

A Cresol finalizou no último mês mais uma edição do projeto Juventude Conectada, desenvolvido com o objetivo de fomentar o relacionamento da Cresol com o público jovem, instigando o desenvolvimento pessoal e profissional dos participantes.

Nesta edição, em razão da pandemia do Covid-19, as atividades do projeto aconteceram de forma online, com uma jornada de aprendizagem e formação cooperativista com foco nas competências técnicas e comportamentais dos jovens, aliando a tecnologia a temas como economia, empreendedorismo e a dinâmicas do mercado de trabalho, sejam elas para a inserção dos jovens no mercado de trabalho, em seus empregos, ou em seus empreendimentos.

Cerca de 250 jovens, de 13 estados diferentes, participaram do projeto que iniciou no mês de outubro do ano passado e terminou no último mês de março. Foram, aproximadamente, seis meses de ações semanais e 110 horas de atividades em encontros online, como lives, webinars e workshops. Além desses momentos, os participantes desenvolveram ações extras na semana.

Alzimiro Thomé, presidente do Sistema Cresol Baser e do Cresol Instituto, disse que o projeto trouxe muitas reflexões aos jovens. “Com certeza todo conhecimento adquirido durante esses seis meses de encontros online irá contribuir para o crescimento profissional dos jovens que se dedicaram e aproveitaram ao máximo as nossas equipes que, a cada novo encontro, não mediram esforços para apresentar novidades aos participantes”.

Thomé também destacou a importância da cooperativa estar presente, dando apoio e incentivando o empreendedorismo dos jovens. “Na Cresol, realizamos um trabalho que vai além do financeiro, e que tem forte atuação nas comunidades onde levamos informações e apoiamos diversos projetos educativos”, disse.

Durante todo o projeto, a Cresol trabalhou a gamificação como uma forma de engajar e valorizar os participantes e, ao final, toda a interação no curso contabilizou pontos que foram ranqueados e premiaram os jovens.

Edivani Perin, de 20 anos, foi uma das participantes do projeto e comentou sobre o retorno que teve com os encontros. “A Cresol sempre esteve disposta a nos ajudar financeiramente, investindo e melhorando a nossa propriedade. No ano passado fui convidada para participar do projeto Juventude Conectada e aceitei na hora, pois mesmo sendo online nos conectamos com jovens de todo Brasil. Além disso, o projeto nos auxiliou a ver as coisas de formas diferentes, principalmente a maneira como administramos o nosso dinheiro, que é algo essencial para termos uma vida financeira saudável. Também aprendemos sobre o cooperativismo e as suas inúmeras vantagens”, comentou a jovem que mora e trabalha com os pais em uma propriedade rural de Iraceminha, Santa Catarina.

O Gerente do Cresol Instituto, José Vandresen, destacou a atuação da Cresol como uma instituição financeira cooperativa da comunidade que tem focado na atenção aos serviços financeiros, educacionais e de assistência aos jovens empreendedores, como mecanismo de acelerar as inovações apresentadas. “Hoje a comunidade mundial tem destacado a inserção dos jovens e mulheres nas organizações e a Cresol definiu apoiar esse público em seus projetos e empreendimentos, por isso o Cresol Instituto tem se empenhando em desenvolver conteúdos, metodologias e dinâmicas que possam garantir a qualificação, a educação cooperativa, a troca, a vivência, bem como a diversão da juventude que aposta na conexão com a cooperativa”, finalizou Vandresen.

Open chat
Entre em contato conosco! =)