site loader
4 de maio de 2021 Forte calor deve marcar a terça-feira em SC; veja a previsão

Forte calor deve marcar a terça-feira em SC; veja a previsão

Tempo deve mudar na quarta (5) quando está prevista a chegada de uma frente fria da Argentina trazendo chuva e derrubando as temperaturas

A terça-feira (4) deve ser tão quente quanto esta segunda em Santa Catarina, com os termômetros ultrapassando a marca dos 30 graus em várias regiões do Estado.Terça-feira ainda deve ser de forte calor em Santa Catarina, chegando aos 30° C.

O amanhecer desta terça pode ter nevoeiros isolados, mas, ao longo do dia, a condição é de sol forte no Estado. No fim da tarde e noite, mais nuvens devem aparecer entre a região Oeste e o Litoral Sul, próximo à divisa com o Rio Grande do Sul.

O vento sopra da região nordeste, com variações de sudoeste em áreas próximas à divisa com o Rio Grande do Sul e com variações de noroeste nas demais regiões, com intensidade fraca a moderada.

O sistema é de massa de ar seco no Sul do Brasil, o que está provocando esse calor dos últimos dias.

O “veranico” fora de época, no entanto, não deve durar, já que uma frente fria se aproxima, vinda da Argentina, trazendo chuva e logo depois o frio, na quarta-feira (5). A previsão é de formação de geada nas áreas mais altas da Serra, Meio-Oeste e Alto Vale do Itajaí no fim desta semana.

Confira as temperaturas, por região:

  • Litoral Norte: 15 °C/29 °C
  • Planalto Norte: 13 °C/26 °C
  • Grande Florianópolis Litorânea: 18 °C/27 °C
  • Grande Florianópolis Serrana: 13 °C/28 °C
  • Vale do Itajaí: 13 °C/29 °C
  • Litoral Sul: 16 °C/31 °C
  • Planalto Sul: 11 °C/26 °C
  • Meio-Oeste: 14 °C/28 °C
  • Oeste: 12 °C/30 °C
  • Extremo-Oeste: 15 °C/32 °C
  • Fonte: ND+
4 de maio de 2021 Mulher que ameaçou ex de morte, deu pedrada em sogro e chamou enteados de ‘macaco’ é condenada em SC

Mulher que ameaçou ex de morte, deu pedrada em sogro e chamou enteados de ‘macaco’ é condenada em SC

Ela foi condenada a dois anos de reclusão e cinco meses de detenção; ao recorrer da decisão, Justiça manteve a sentença

Uma mulher que ameaçou o ex-namorado, apedrejou o sogro e xingou os enteados de ‘macaco’ foi condenada a dois anos, oito meses e 20 dias de reclusão, além de cinco meses e seis dias de detenção, em regime aberto. Ela já havia sido condenada em primeira instância, mas recorreu à Justiça, que manteve a decisão.

O crime aconteceu em julho de 2017, em Gaspar, no Vale do Itajaí. A mulher foi até a casa do ex-namorado e começou a atirar pedras, atingindo o ex-sogro, que teve lesões corporais.

Além disso, ela chamou os dois filhos do ex de macaco, referindo-se à cor de pele das crianças. A mulher ainda mandou mensagens pelo WhatsApp ameaçando a vítima: “eu te mato a pau seu lixão” e “não me faça matá um macaco daqueles”, escreveu ela.

A ré cometeu os crimes de lesão corporal contra pessoa idosa, injúria racial e ameaça, e foi condenada a dois anos em reclusão e mais cinco meses em regime aberto.

Ao recorrer à sentença, a mulher disse que toda a decisão foi baseada na palavra da vítima e que ela nunca ofendeu diretamente as crianças. O relator do processo, porém, afirmou que ficou comprovado que ela havia cometido os crimes e que não seria possível uma absolvição.​​

Segundo o relator, a ré teve “nítida intenção de ofender a honra subjetiva mediante emprego de expressões pejorativas” relacionadas à cor da pele e, além disso, há provas substanciais dos crimes de lesão corporal e ameaça. Os demais integrantes da 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina seguiram o voto do relator e foram a favor da manutenção da sentença. 

*Sob supervisão de Augusto Ittner

Fonte: NSC TOTAL

4 de maio de 2021 Paulo Gustavo sofre embolia pulmonar e tem piora no quadro; ‘Extrema gravidade’, diz boletim

Paulo Gustavo sofre embolia pulmonar e tem piora no quadro; ‘Extrema gravidade’, diz boletim

Foto: Reprodução

Ator está internado com Covid desde 13 de março. No domingo (2), ele chegou a ter redução de sedativos e bloqueadores e interagiu com médicos e o marido, Thales Bretas, mas à noite piorou.

O ator Paulo Gustavo, de 42 anos, voltou a sofrer com complicações geradas pela Covid. Internado desde 13 de março, ele vinha tendo melhoras significativas e, no domingo (2) chegou a ter redução de sedativos e bloqueadores e interagir com médicos e o marido, Thales Bretas.

Mas, segundo boletim médico divulgado nesta segunda-feira (3), na noite do domingo, o ator teve uma piora significativa do quadro sofrendo com uma embolia.

“Depois de alguma melhora, Paulo Gustavo subitamente piorou no dia de ontem. Ontem à tarde (domingo), após redução dos sedativos e do bloqueador neuromuscular, o paciente acordou e interagiu bem com a equipe profissional e com o seu marido”, diz trecho do documento.

“À noite, subitamente, houve piora acentuada do nível de consciência e dos sinais vitais, quando novos exames demonstraram ter havido embolia gasosa disseminada, incluindo o sistema nervoso central, em decorrência de uma fístula bronquíolo-venosa. Infelizmente, a situação clínica atual é instável e de extrema gravidade”, diz outro trecho do boletim médico divulgado nesta segunda-feira (3).

O que é embolia?

Fístula broncovenosa é um tipo de abertura que ocorre entre os pulmões e as veias e, que no caso do ator, acarretou a entrada de ar na corrente sanguínea, a chamada embolia gasosa.

Já a embolia é um tipo de obstrução pelo acúmulo de material (sangue, ar, liquido amniótico) trazido pela corrente sanguínea (êmbolo). No caso da embolia pulmonar, ela se dá pela obstrução de uma artéria do pulmão.

Ainda segundo o boletim médico de Paulo Gustavo, essa entrada de ar foi disseminada, tendo afetado o sistema nervoso.

O documento termina dizendo que a família do ator agradece todo o carinho e pede orações para a recuperação de Paulo Gustavo, assim como das demais pessoas acometidas pela Covid.

Paulo Gustavo piora e tem quadro de ‘extrema gravidade’, diz boletim

Internado há 50 dias

Paulo Gustavo está internado desde o dia 13 de março devido às complicações provocadas pela Covid-19.

Após seis dias, ele apresentou melhora no quadro geral, o que poderia indicar uma recuperação.

No entanto, no dia 22 de março a situação regrediu e o ator, roteirista e comediante precisou ser intubado. Na ocasião, a nota médica informou que ele “necessitou entrar em ventilação mecânica invasiva, para ser tratado de forma mais segura”.

No dia 2 de abril, o quadro de Paulo Gustavo piorou e ele passou a utilizar uma terapia que se assemelha ao uso de um pulmão artificial.

Naquele dia, texto divulgado pela assessoria do artista informou que o ator chegou a apresentar sinais de melhora, “mas devido ao agravamento do quadro clínico, teve que evoluir à terapia por ECMO – Oxigenação por Membrana Extracorpórea”.

Fonte: G1

4 de maio de 2021 Audiência nesta quarta (5) discute situação da Barra do Camacho

Audiência nesta quarta (5) discute situação da Barra do Camacho

A Comissão de Pesca e Aquicultura da Assembleia Legislativa de Santa Catarina realiza na tarde desta quarta-feira (5), a partir das 17 horas, audiência pública sobre a Barra do Camacho, situada em Jaguaruna, no Sul do estado. O objetivo do encontro, que será realizado por meio de videoconferência, é discutir propostas para o desassoreamento do canal que liga a Lagoa Jaguaruna ao oceano.

Autor do requerimento para a realização da audiência, o deputado Felipe Estevão (PSL) afirmou que o desassoreamento é uma reivindicação das colônias de pescadores e de outras entidades ligadas à pesca, preocupadas com os prejuízos que o excesso de areia no local causa à atividade. O assoreamento, conforme a Defesa Civil do Estado, além de comprometer o trânsito das embarcações, prejudica o escoamento da água em casos de chuva intensa, interferindo na qualidade da pesca de subsistência.

De acordo com o parlamentar, além dos pescadores e das suas entidades representativas, participarão da audiência representantes do governo estadual, da Alesc, de órgãos públicos ligados ao setor e da comunidade. A TVAL e o canal da TVAL no Youtube transmitem a audiência, ao vivo.

Fonte: Alesc

4 de maio de 2021 Pit bulls matam cão e ferem morador em Capivari de Baixo

Pit bulls matam cão e ferem morador em Capivari de Baixo

Um cão da raça pug foi morto ontem pela manhã após ser atacado por três pit bulls no Centro de Capivari de Baixo. O dono do animal, ao tentar protegê-lo, também foi mordido pelos pit bulls e quase perdeu um dedo.

Segundo Guilherme Siqueira Bez, ele estava levando a filha de cinco anos na escola quando o ataque ocorreu. “Como de costume, fomos de bicicleta. Eu sempre levava a cachorra junto, para que ela fizesse exercício. Assim que minha filha entrou na escola e a professora fechou o portão, vi os três cães correndo na minha direção. Peguei a cachorra no colo e, mesmo assim, os pit bulls avançaram em mim. Eles morderam minha mão, puxaram a pug e a atacaram”, conta o analista de sistemas.

A pug, que tinha pouco mais de um ano, não resistiu e morreu. Segundo Guilherme, trabalhadores que faziam a manutenção de uma obra na rua o ajudaram. “Com as pás, eles ameaçaram os pit bulls e somente depois os cães largaram a minha cachorrinha, já sem vida, e voltaram para casa. Eles conseguiram fugir porque o dono teria saído para trabalhar e esqueceu o portão aberto”, explica Guilherme.

Funcionários da escola onde a filha de Guilherme estuda também ajudaram a socorrê-lo. “Precisei ir ao hospital fazer sutura na mão e corro o risco de perder o movimento de um dos dedos. Mesmo com a morte da nossa cachorra, tivemos sorte que nossa filha já estava dentro da escola e não foi atacada pelos pit bulls. Até mesmo outras crianças e pais poderiam ser atacados”, relata. Guilherme reforçou que já registrou um boletim de ocorrência e tomará outras providências legais por conta dos transtornos causados pelo ataque.

O delegado Vandilson Moreira disse que o caso já está sendo investigado e o dono dos pit bulls será intimado. Ele terá de esclarecer porque não manteve a cautela dos animais e poderá responder uma contravenção penal. Ainda segundo o delegado, o caso também deverá ser analisado pela Justiça e pelo Ministério Público.

Animais podem ser apreendidos

Uma lei sancionada em 2007 em Santa Catarina diz que são vedadas a circulação e a permanência de cães da raça pit bull em logradouros públicos, precipuamente, locais em que haja concentração de pessoas, tais como ruas, praças, jardins e parques públicos, e nas proximidades de hospitais, ambulatórios e unidades de ensino público e particular. A mesma lei endurece ainda mais as penas pelo não-cumprimento das regras, como circular em locais públicos sem enforcador e focinheira. A multa é de R$ 5 mil ao responsável pelo cachorro, que deverá ser aplicada em dobro e progressivamente nos casos de reincidência à infração. Além disso, a lei prevê a apreensão do animal nas hipóteses de reincidência, abandono do animal ou ataque deste a pessoa ou a outro animal; reparação ou compensação de danos causados.

4 de maio de 2021 Caixas de ofertas são recuperadas após furto em Gravatal

Caixas de ofertas são recuperadas após furto em Gravatal

As duas caixas de ofertas furtadas, domingo, do Santuário Sagrado Coração de Jesus, em Gravatal, foram encontradas ontem. Os compartimentos foram arrombados e o dinheiro, levado.

Uma caixa ficava ao lado de uma das portas laterais do local e a outra, no velário. O santuário foi reformado recentemente e a ideia era instalar um sistema de monitoramento, o que não foi feito até o momento por falta de recursos. “Teremos que angariar fundos. Inclusive, quem quiser poderá colaborar com a paróquia. Nas caixas, se tinha dinheiro, era pouca coisa, pois as contribuições mais expressivas acontecem na missa de domingo à noite”, relata o padre Rafael Uliano.

Fonte: Diário do Sul

Open chat
Entre em contato conosco! =)