site loader
23 de novembro de 2020 Tubarão não descarta retorno das aulas ainda em 2020

O prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, disse que tão logo a região saia do nível gravíssimo para coronavírus as escolas municipais devem ser reabertas. “A intenção é fazer um ensaio do que poderá ser o ano que vem, com o misto de aulas presenciais e virtuais, que é como deverá ser enquanto não houver a vacina”, disse.

De acordo com ele, o assunto já está sendo tratado há cerca de duas semanas e as escolas já estão entregando seus protocolos de segurança para o retorno. “Tão logo voltemos ao estado grave, quando já é permitido o retorno, faremos a volta. Já não dá mais para continuar assim”, comenta.

Para o prefeito, neste momento, em que o ano letivo já está sendo concluído, o objetivo do retorno será mais para servir como um ensaio para o ano que vem, e também para retirar as crianças de dentro de casa, para se encontrarem com seus amigos e professores.

“Vamos ter que nos adaptar a esta nova realidade enquanto não temos a vacina. Mas não dá mais para manter as crianças trancadas em casa, sem contato com seus amiguinhos e professores. Isso está causando um problema de saúde também, mexe com o psicológico de pais e filhos. Cumprindo todo o protocolo de segurança, acredito que este retorno só fará bem”, pontua Joares.

Retorno no Estado

O Estado publicou nesse fim de semana duas portarias com o objetivo de autorizar a retomada segura das atividades escolares presenciais em Santa Catarina. Com as novas normativas, as atividades escolares presenciais podem ser retomadas em todas as regiões catarinenses. Para tanto, devem ser respeitados todos os regramentos sanitários, incluindo as diretrizes previstas no Plano de Contingência Estadual para a Educação, criadas com objetivo de garantir a retomada segura das atividades escolares.

Fonte: Diário do Sul

Open chat
Entre em contato conosco! =)