site loader
8 de abril de 2021 Região chega a 810 óbitos por covid-19

A região ultrapassou ontem as 800 mortes por covid-19. Ao todo, as prefeituras confirmaram 810 óbitos pela doença.

Foram 13 óbitos a mais do que no dia anterior. Tubarão foi a cidade que registrou o maior número de mortes ontem. Foram sete ao todo: cinco homens, de 44, 59, 75, 78 e 81 anos, e duas mulheres, 64 e 78 anos. O homem de 44 anos é Lenine Veiga, professor de química. Familiares, amigos e ex-alunos se manifestaram pelas redes sociais. “Lenine era um cara alto astral, divertido, humano, um baita professor de química e de vida”, disse uma ex-aluna.  

Capivari de Baixo confirmou mais duas mortes por covid-19. Segundo a prefeitura, as vítimas foram um morador do bairro Caçador, de 76 anos e com comorbidades, e uma senhora de 68, do bairro Santa Lúcia.

Laguna também registrou dois óbitos pela doença. As vítimas foram duas mulheres, de 64 e 67 anos, que moravam nos bairros Campos Verdes e Magalhães.

Em Braço do Norte, o óbito foi de um homem 74 anos, sem comorbidades, do bairro Nossa Senhora de Fátima. Imaruí também confirmou mais um óbito, o 17º do município. Não foram repassadas informações sobre a vítima.

Até ontem, 56.227 pessoas já tinham sido confirmadas com covid-19 na região. Desse total, 53.903 já são considerados recuperados. Os dados foram repassados pelos municípios.

Pacientes ganham alta

Rosangela Aparecida Machado, de 55 anos, auxiliar de serviços gerais há 32 anos no HNSC, recebeu alta ontem depois de passar 25 dias internada por conta da covid-19. Apesar do quadro grave, com 70% de acometimento dos pulmões, a paciente não precisou de leito de UTI, nem ventilação mecânica. A quarta também foi de comemorações para Ana Lúcia dos Santos Zabot Dalmoro, de 46 anos. A paciente recebeu alta da UTI depois de 24 dias. A tubaronense teve 60% de acometimento pulmonar, mas reagiu bem ao tratamento e venceu a doença.

Fonte: Diário do Sul

Open chat
Entre em contato conosco! =)