site loader
20 de janeiro de 2021 Primeiro Infectado De SÃO MARTINHO é vacinado


Foto: Prefeitura de São Martinho

Há dez meses e dois dias o primeiro caso de Covid-19 era confirmado no município de São Martinho. Desde então, o período foi – e continua sendo – delicado. O uso emergencial dos imunizantes CoronaVac e AstraZeneca, produzidos pelo Instituto Butantan e Fundação Oswaldo Cruz, respectivamente, aprovados pela Anvisa no último domingo (17), reascenderam a esperança nos brasileiros.

Para São Martinho, 26 doses da CoronaVac foram enviadas através da Secretaria de Estado da Saúde. Essas doses, entretanto, não serão suficientes para atender todo o primeiro grupo prioritário estabelecido pelo Governo Federal no Plano Nacional de Imunização. Assim, foram priorizados os funcionários da saúde que atuam diariamente na linha de frente da pandemia.

Nesta quarta-feira (20), foi a vez do motorista de ambulância Cleiton Sehnem ser imunizado. Ele foi o primeiro saomartinhense diagnosticado com o novo coronavírus no município. “Estou muito honrado de chegar até aqui para receber a vacina. Quando eu peguei o vírus, passei sufoco. Não quero isso nunca mais. Agora, posso trabalhar tranquilo. Tenham coragem, acreditem na vacina”, exalta ele.

A aplicação da dose imunizante foi realizada pela auxiliar de enfermagem Elisandra Floriano, que se diz feliz e realizada com o momento. “Eu fico muito feliz em contribuir com o município nesse momento tão importante para a saúde. Tenho certeza que a vacina é o melhor meio de conter essa pandemia”, afirma.

Todos os vacinados receberão uma segunda dose do antídoto. O Governo de Santa Catarina mantém essas vacinas refrigeradas no Centro de Distribuição Estadual.

Para a secretária de Saúde, Priscila Berkenbrock Cirico de Alvarenga, “O primeiro passo foi dado, e estamos ansiosos para receber mais doses para que consigamos realizar a aplicação em 100% do público alvo”.

A Administração de São Martinho, através da Secretaria de Saúde e Saneamento, esclarece que o número de doses recebidas pelo município não foi suficiente para imunizar a totalidade do grupo prioritário e, desta forma, se compromete em acionar os demais assim que novos frascos imunizantes forem enviados ao município.

Open chat
Entre em contato conosco! =)