site loader


A Polícia Civil de Santa Catarina, através da Delegacia de São Ludgero identifica responsável de divulgar Fake News no último domingo. Na noite do dia 25 circularam áudios em aplicativos de mensagens onde referiam que teria ocorrido um homicídio no município de São Ludgero. Com a circulação dos áudios a Polícia Civil foi acionada para verificar a veracidade das mensagens, situação em verificou-se tratar de Fake News. A falsa notícia gerou grande repercussão no município e região, haja vista a gravidade da notícia que tratava se de Fake News.

As mensagens divulgadas relatavam que um morador do município teria agredido duas pessoas com facadas, resultando num homicídio consumado e em outro tentado. Foi registrado um Boletim de Ocorrência sobre os fatos, imediatamente instaurado procedimento policial para apurar o crime de calúnia e realizadas diligências a fim de identificar autoria. Após diligências investigativas, na tarde de terça feira (27) o autor foi identificado e ouvido na Delegacia de Polícia. A Polícia Civil alerta que as Fake News podem configurar diversos crimes, entre eles, calúnia, injúria e difamação e quando o crime é cometido ou divulgado em quaisquer modalidade das redes sociais a pena aplica-se em triplo. Os trabalhos foram coordenados pelo Delegado de Polícia Eder Matte.

Open chat
Entre em contato conosco! =)