site loader
12 de março de 2021 Municípios buscam comprar vacina Sputnik V

Os 18 municípios da região integram a Carta de Intenções enviadas pela Fecam (Federação Catarinense de Municípios) visando à compra de vacinas contra a covid-19. A informação foi confirmada pelo presidente da Amurel, Deyvisonn Souza.

Em reunião com prefeitos, a Federação formalizou a intenção de compra de 4,1 milhões de doses da Sputnik V, que deverão beneficiar 265 municípios. Na Amurel, foi pedido um total de 397 mil doses. O ponto de partida para essas negociações foi a entrega, pelos municípios, da Carta de Intenções, quando cada um deles indicou a quantidade de vacinas que deseja comprar.

De acordo com o prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, foram pedidas pelo município 130 mil doses. Entre os municípios que pediram mais doses ainda está Imbituba, que pediu 50 mil; Braço do Norte, 40 mil; Capivari de Baixo, 32 mil; Laguna, 30 mil; e Jaguaruna, 29 mil doses. Cada município formalizou seu pedido com as doses consideradas necessárias.  

A Fecam não compra vacinas, ela gerencia o processo. Nesta sexta-feira, a Federação encaminhará toda a documentação à empresa internacional que distribui o medicamento. Em seguida, a empresa terá 72h para aceitar formalmente a proposta comercial, incluindo valores e prazos. Uma vez aceito o pedido, a empresa entregará a vacina em 15 dias úteis. O pagamento acontecerá somente após a chegada e a liberação da vacina em território brasileiro. “É um momento histórico para Santa Catarina, somos a primeira Federação de Municípios do Brasil a protocolar compra de vacinas. Nós acreditamos que o papel da Fecam é representar cada prefeito e prefeita que têm enfrentado dificuldades nesse enfrentamento da pandemia e estão vendo pessoas morrendo. Só temos uma forma de superar tudo isso: vacinar a nossa população”, afirmou o presidente da Fecam, Clenilton Pereira.

Tubarão participa de dois consórcios

A sanção presidencial da lei que permite a compra direta de vacinas contra a covid-19 por estados, municípios e iniciativa privada deixou a prefeitura de Tubarão mobilizada para uma possível compra de 130 mil doses. Essa movimentação acontece por meio da Federação Catarinense de Municípios (Fecam) e Frente Nacional de Prefeitos (FNP), que articularam a criação de dois consórcios de intenção de compra, dos quais a Cidade Azul formalizou interesse em participar. Como a liberação da compra nesse formato foi recentemente oficializada, ainda não existe uma estimativa de prazo ou investimento em torno da compra das doses, já que o modelo proposto e aprovado prevê a negociação entre as indústrias farmacêuticas e os consórcios da Fecam e FNP. “Já fizemos uma declaração oficial do interesse em comprar 130 mil doses, e encaminhamos o projeto de lei para a Câmara de Vereadores, pois há a necessidade de aprovação legislativa para o ingresso no consórcio nacional”, destaca o prefeito Joares Ponticelli.

Open chat
Entre em contato conosco! =)