site loader
15 de outubro de 2021 Macarronada marca o dia do professor no Unibave

O dia do professor (dia 15 de outubro) foi comemorado pelo Centro Universitário Barriga Verde (Unibave) e pelo Colégio Unibave, de uma maneira especial e de um modo bem brasileiro. Ao redor da mesa, durante um pouco mais de uma hora, professores debateram sobre educação e prepararam uma macarronada, ao vivo, em uma Live pelo canal do YouTube da Instituição.

O debate foi coordenado pela coordenadora do curso de pedagogia, Miryan Cruz Debiasi, enquanto o reitor e coordenador do curso de Medicina Veterinária, Guilherme Valente de Souza, preparava o macarrão com auxílio da coordenadora dos cursos de Educação Física, Renata Righeto Jung.

“É o profissional mais importante na hierarquia de um país”, afirmou o pró-reitor de Administração e Pró-Reitor de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, Dimas Ailton Rocha, durante a transmissão.

Pandemia

A pandemia também foi pauta do debate. A diretora Geral de Educação Básica do Colégio Unibave, Rosilane Damásio Cachoeira, avaliou o lado positivo para a área de educação. “A pandemia acelerou todo o processo”, analisando o uso da tecnologia para garantir a continuidade do ensino e adaptação. “Os professores precisaram entender que a pandemia necessitava ser superada”, declarou. “Em um ano, o ritmo foi muito mais além”, concordou Miryan, lembrando que foi com a Rosilane que deu os primeiros passos na educação.

“Precisamos nos reinventar para lidar com a pandemia”, afirmou o pró-reitor de ensino de graduação, Leonardo de Paula Martins, lembrando das alternativas que precisaram ser adequadas para que a educação não paralisasse durante o período.

O reitor, Guilherme Valente de Souza, deu uma declaração, dizendo que a Instituição está buscando trazer a comunidade para dentro da Instituição, contribuindo para o desenvolvimento local e regional. O professor Alcionê Damásio Cardozo, que tem quatro décadas como educador, definiu que ser professor é aquele cidadão que chega cansado na sala de aula e depois se sente descansado. “Ele entra cansado e sai renovado”, definiu, dizendo que o brilho nos olhos dos alunos é fonte de energia.

Perdeu a live? Acesse o canal da Instituição no YouTube.

Fonte: Unibave.net

Open chat
Entre em contato conosco! =)