site loader

Há duas semanas, as sessões da Câmara de Vereadores de Laguna foram retomadas. Suplentes assumiram as vagas dos três vereadores, que seguem presos desde o dia 24 de setembro. Valdomiro Barbosa de Andrade (MDB), Thiago Duarte (MDB) e Cleosmar Fernandes (MDB), que é presidente da Câmara, são os edis que seguem reclusos em Florianópolis.

O trio foi preso durante a Operação Seival, realizada na cidade. Além disso, uma medida judicial afastou Valdomiro do cargo de vereador. Por quase um mês, o Legislativo ficou sem sessão, pois todos os edis estavam impedidos de acessarem a sede da Câmara.

Porém, após decisão judicial, eles puderem voltar ao local e as sessões foram retomadas, inclusive, com a convocação dos suplentes. “Agora, estamos seguindo os trabalhos na normalidade”, diz o assessor jurídico da Câmara de Vereadores de Laguna, Juliano Neves Antonio.

As investigações e informações sobre os desdobramentos da operação seguem sob sigilo.

A Operação Seival 2 cumpriu 120 mandados de busca e apreensão, além das autorizações judiciais de prisão, afastamento de cargo público e apreensão de bens.

O nome dos demais envolvidos, presos e investigados não foi divulgado pela polícia. A operação mira um grupo de empresários, servidores e agentes políticos que estariam envolvidos em fraude a licitação, corrupção ativa e passiva, organização criminosa, lavagem de dinheiro e peculato.

Fonte: Diário do Sul

Open chat
Entre em contato conosco! =)