site loader
11 de novembro de 2021 HNSC explica a ocupação de leitos de Covid

Após a matéria publicada na edição de ontem do DS  sobre o Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão, ter zerado a ocupação de leitos de UTI adulto destinados à covid-19, algumas pessoas questionaram a informação, alegando que familiares precisaram destes leitos e foram remanejados aos hospitais de Laguna e Imbituba por não haver vaga no HNSC.

A assessoria do HNSC explica que, até essa segunda-feira, havia ainda três pacientes internados na UTI adulto com a covid-19. Todos foram a óbito, por isso o registro apontando que zerou a ocupação na terça-feira destes leitos.

Com a diminuição dos pacientes com covid-19 e a alta demanda dos não-covid (com outras enfermidades, oriundos de acidentes ou de cirurgias), o número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva do HNSC foi remanejado para estas outras especialidades, “diminuindo o número de leitos para covid, até porque há hospitais na região com UTIs adulto para atendimento exclusivo a esta doença”, explica.

“Hoje, o HNSC está com uma alta demanda de leitos de UTI geral, devido ao represamento de cirurgias eletivas, paradas durante a pandemia, por obrigatoriedade de decreto governamental, por exemplo, assim como com outras doenças graves.  Mas frisamos novamente que nenhum paciente está sem leito de UTI para o tratamento da covid-19, pois há disponibilidade de leitos nos hospitais da região que tiveram habilitação exclusiva para isso, e que não é o HNSC que faz esta escolha de onde o paciente terá disponibilidade de um leito de UTI”, reforça o hospital.


Números de casos e mortes no Estado

O governo de Santa Catarina chegou a informar na terça-feira que Santa Catarina não tinha registrado nenhuma morte em 24 horas. Esta informação foi baseada nos sistemas de saúde do Estado. Ontem, no entanto, os números foram atualizados e foram 27 mortes a mais. O governo informou ontem que há 1.222.642 de casos confirmados de covid-19, sendo que 1.197.875 estão recuperados e 5.004 continuam em acompanhamento. Até hoje, 19.763 óbitos foram causados pelo coronavírus. A taxa de letalidade é de 1,62%. Na comparação com o boletim anterior, aos casos confirmados se somaram 726, enquanto a estimativa de recuperados cresceu 638. Registrou-se um aumento de 61 no número de casos ativos.

Fonte: Diário do Sul

Open chat
Entre em contato conosco! =)