site loader

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina confirmou a condenação do ex-vereador de Tubarão, Geraldo Pereira, o Jarrão, e sua ex-assessora, Cynara Guimarães Antunes Pozza, por ato de improbidade administrativa, pelo uso de verbas públicas para favorecimento individual.

Segundo denúncia do Ministério Público, ambos viajaram para Recife, em julho de 2010, com passagens, hospedagem, alimentação e diárias bancadas pela Câmara de Vereadores, com o objetivo não cumprido de participar de um seminário sobre administração pública.

Acompanhados por parentes, segundo a denúncia, todos aproveitaram para fazer turismo pelo litoral nordestino nos cinco dias em que oficialmente deveriam estar em curso. Um repórter foi escalado, fez sua inscrição como assessor parlamentar e averiguou in loco como funcionava o esquema dos cursos fantasmas.

Fonte: Diário do Sul

Open chat
Entre em contato conosco! =)