site loader
7 de junho de 2021 Auxílio emergencial pode ser estendido por “dois ou três meses”, diz jornalista

Ministério da Economia estuda prorrogar por mais “dois ou três meses”

A fim de evitar as pressões ocasionadas com o fim do auxílio emergencial , em julho, O Ministério da Economia  estuda a extensão do programa como forma de transição para o Bolsa Família. 

Desde o ano passado, o ministro da Economia, Paulo Guedes , menciona uma “aterrissagem suave” para aqueles que perderão o benefício. 

Segundo Gustavo Uribe, da CNN Brasil, a ideia discutida pelos ministérios da Economia e da Cidadania é prorrogar o benefício emergencial por mais dois ou três meses , até que uma maior parcela da população adulta seja imunizada contra o coronavírus.

A possibilidade é vista com bons olhos por membros do Centrão, aliados ao presidente Jair Bolsonaro. O grupo atribui a manutenção do benefício como a única forma de Bolsonaro conseguir a reeleição. 

Além disso, após o fim das parcelas emergenciais, O Bolsa Família aumentaria o valor . O benefício, que hoje paga R$ 190, teria um acréscimo de R$ 70 reais. 

Fonte: IG

Open chat
Entre em contato conosco! =)