site loader
30 de julho de 2021 Primeiro evento-teste com público imunizado recebe cerca de 500 pessoas em Santa Catarina

Primeiro evento-teste com público imunizado recebe cerca de 500 pessoas em Santa Catarina

Santa Catarina foi palco de um dos primeiros eventos-teste do país, nessa quinta-feira, dia 29, na Grande Florianópolis. O local escolhido foi o Teatro Ademir Rosa, do Centro Integrado de Cultura (CIC), que, após 16 meses, recebeu o show gratuito da Camerata Florianópolis interpretando Mendelssohn e Beethoven. Dos mais de 900 lugares disponíveis no local, cerca de 500 foram utilizados para acompanhar a apresentação e servir como demarcação de segurança sanitária. O número foi pautado pelos pesquisadores que farão o monitoramento dos participantes pelos próximos 15 dias.

Um dos momentos comoventes da apresentação da Camerata foi protagonizado por um cantor de 28 anos que fez uma canção para o pai, internado à época com Covid-19. Ao lado da orquestra, Everton Leonardo Dreschler, conhecido como Jack, homenageou os profissionais de Saúde que atuam há mais de um ano e meio no combate ao Coronavírus. “Nossa intenção com o evento foi ir além de um concerto musical. Foi avaliar a segurança sanitária de eventos desse porte por meio de pesquisa científica. Colheremos o resultado daqui a alguns dias. Mas o acontecimento já foi um primeiro passo importante. Trabalhamos de forma uníssona e multissetorial, com a contribuição de todos. Com os protocolos sanitários da Secretaria de Estado da Saúde (SES), a pesquisa da Univali e Unisul, o apoio do Senac e da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), além do acompanhamento próximo da nossa Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur), tivemos o máximo cuidado com as pessoas”, apontou o governador Carlos Moisés.

O evento-teste seguiu a prática das determinações sanitárias de prevenção ao coronavírus, com o uso de máscaras do modelo FFP2, o distanciamento de 1,5m, poltronas marcadas, sinalizações diferentes para cada região da plateia e não permitiu o consumo de bebidas e alimentos dentro do Teatro. A plateia foi formada apenas por moradores da Grande Florianópolis, completamente imunizados, com as duas doses ou dose única da vacina contra a Covid-19, respeitando o intervalo após a vacinação. Todos os espectadores passaram por teste RT-PCR durante a semana.

Ao chegar no estacionamento ou na porta principal, o público foi dividido por cores que estipulavam diferentes acessos. Não só a entrada principal da rampa foi utilizada, como também as laterais do CIC. Uma equipe de cerca de 20 monitores orientou o público na chegada e na saída. Espectadores acompanhados de familiares puderam sentar próximos, como indicado na compra do ingresso e no preenchimento do termo de aceite para a pesquisa.

Ao se dirigir ao assento, para realizar o check-in, o participante do estudo acessava um QR-Code de uma plataforma de rastreabilidade contratada pela Santur para fornecer nome, telefone e e-mail. Os dados foram encaminhados à SES para o monitoramento. A partir de agora, a Secretaria e as Universidades Unisul e Univali acompanharão por 15 dias as respostas imunológicas dos participantes. Depois de cinco dias, haverá novos testes RT-PCR para todos que participaram do evento. 

O superintendente de Vigilância em Saúde, Eduardo Macário, sublinhou essa união científico-cultural do estudo: “Esse evento foi o reflexo de um longo trabalho em conjunto de pesquisa aplicada. Nossa intenção aqui é analisar comportamentos, atitudes, práticas, o que precisa ser aperfeiçoado e o impacto que gera algo assim, com alto nível de segurança”.

Fonte: Engeplus

30 de julho de 2021 Jornalista de SC ganha cobertor de turistas durante reportagem sob -7ºC: ‘Me ofereceram e não neguei’, diz

Jornalista de SC ganha cobertor de turistas durante reportagem sob -7ºC: ‘Me ofereceram e não neguei’, diz

Jornalista da NSC TV ganha manta de turista e usa durante telejornal — Foto: NSC TV/Reprodução

Durante cobertura do frio intenso em Santa Catarina, repórter ficou enrolado em manta para se proteger do vento na Serra catarinense.

Com o frio intenso em Santa Catarina, um jornalista da NSC TV ganhou um cobertor de uma família de turistas e apareceu com o item durante reportagem ao vivo na Serra catarinense para o telejornal local nesta quinta-feira (29). O termômetro na praça onde o repórter Douglas Márcio estava, na cidade de Urupema, registrava -7ºC.

“A gente não dá conta, o frio é muito intenso. Então me ofereceram um cobertor e eu não neguei”, afirmou o jornalista.

Mais de 20 cidades catarinense registraram negativas e também neve. O estado registrou a temperatura mais baixa do ano no Brasil nesta quinta: -8,6ºC às 4h no município de Bom Jardim da Serra.

Jornalista da NSC TV ganha manta de turista e usa durante telejornal — Foto: NSC TV/Reprodução

Jornalista da NSC TV ganha manta de turista e usa durante telejornal — Foto: NSC TV/Reprodução

O repórter recebeu a manta antes das 6h desta quinta. “O cobertor me encontrou. Uma família de Joinville ficou com pena de mim, me emprestou o cobertor. Aceitei na hora, porque está muito frio. Nunca senti nada parecido”, explicou à apresentadora Eveline Poncio no momento em que apareceu ao vivo – veja o relato completo no vídeo abaixo.

A família notou que ele estava tentando se aquecer durante a participação do telejornal Hora 1 e por isso, antes que ele participasse ao vivo no ‘Bom Dia Santa Catarina’, às 6h, uma criança foi até o carro onde ele estava aguardando pela transmissão e deu o item.

“Eu estava com muito frio, dando uns pulinhos no meio da praça. Depois, o menino, Lorenzo o nome dele, bateu no vidro [do carro] e falou: ‘oh, pra ti. Pode ficar’. Eu aceitei, meio sem reação na hora. Me enrolei no cobertor e quando fui fazer ao vivo, foi com cobertor mesmo porque ficou melhor, mais suportável”, relatou ao G1.

Repórter da NSC Tv Douglas Márcio durante cobertura do frio em Santa Catarina  — Foto: Jean Raupp/NSC TV

Repórter da NSC Tv Douglas Márcio durante cobertura do frio em Santa Catarina — Foto: Jean Raupp/NSC TV

Douglas Márcio, que além de repórter é técnico em meteorologia, segue na Serra catarinense para a cobertura sobre o frio que permanece nos próximos dias. “Eu trouxe muita roupa, mas o vento traz uma sensação congelante. O vento é cortante”, disse.

Fonte: G1 SC

30 de julho de 2021 Frio extremo e geada ampla: Com -8,9°C, Urupema tem a menor temperatura do ano em SC, diz Epagri

Frio extremo e geada ampla: Com -8,9°C, Urupema tem a menor temperatura do ano em SC, diz Epagri

São Joaquim, na Serra de Santa Catarina, amanheceu com geada nesta sexta-feira (30) — Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim Online

Cidades do Norte, Sul, Oeste, Serra e Grande Florianópolis registraram temperaturas negativas, com a menor delas em Urupema.

O amanhecer desta sexta-feira (30) é de frio extremo em Santa Catarina. Todas as regiões registraram geada e temperaturas negativas, com a menor delas em Urupema, na Serra, que fez -8,92ºC, às 7h. Segundo a Epagri/Ciram, órgão que monitora o tempo, essa é a menor temperatura do ano no Estado.

A mínima mais baixa registrada anteriormente foi Bom Jardim da Serra. Na quinta-feira (30), o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) confirmou que os termômetros marcaram – 8,6ºC, às 4h. O órgão não possui estação meteorológica em Urupema.

Estado abaixo de zero

Em Bom Jardim da Serra, a mínima foi de -8,05ºC, no mesmo horário. Em Maravilha, no Oeste, fez -4,04ºC. No Sul catarinense, Criciúma marcou -0,64°C. Já no Norte, em Campo Alegre fez -4,4°C.

O dia também começou gelado na capital catarinense. Os termômetros em Florianópolis marcaram apenas 1,02ºC. Em Alfredo Wagner, na mesma região, a temperatura mais baixa foi de -1,48ºC.

Serra de Santa Catarina nesta sexta-feira (30) — Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim Online

Serra de Santa Catarina nesta sexta-feira (30) — Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim Online

Amanhecer em São Joaquim nesta sexta-feira (30) — Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim Online

Amanhecer em São Joaquim nesta sexta-feira (30) — Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim Online

Fonte: G1 SC

30 de julho de 2021 Paolla Oliveira e Diogo Nogueira viram casal queridinho da web

Paolla Oliveira e Diogo Nogueira viram casal queridinho da web

Foto: Reprodução Instagram

Desde que assumiram o namoro, atriz e cantor vivem trocando declarações publicamente e são ‘shippados’ por internautas

Quando surgiram os primeiros rumores do romance entre Paolla Oliveira e Diogo Nogueira, os fãs já começaram a shippar o casal. A partir da primeira foto publicada nas redes sociais, a torcida pelos pombinhos só aumentou. A atriz e o sambista também parecem estar acompanhando os memes e publicações sobre o namoro dos dois e não escondem mais a paixão.

Diogo Nogueira e Paolla Oliveira foram flagrados juntos pela primeira vez em uma padaria no dia 27 de junho. Dias depois, a atriz apareceu ao lado da irmã do cantor em fotos postadas nas redes sociais, aumentando os boatos de um suposto romance.

Paolla deixou os fãs ainda mais empolgados quando compartilhou, no Instagram, que estava ouvindo Razão Pra Sonhar, um dos hits do sambista: “Bora dar um animada no sábado com Diogo Nogueira”, escreveu. Para completar, a publicação ganhou resposta do próprio Diogo: “Só vamos”, postou, com um emoji de coração.

Diante de tantas notícias, foi a vez do filho do cantor, Davi Nogueira, entregar o relacionamento do pai e da madrasta. O jovem posou ao lado de Diogo e disse que foi Paolla quem fez a foto.

Há uma semana, o casal assumiu o namoro. A atriz posou com o cantor nos bastidores de um show que ele fez no Rio de Janeiro, com público reduzido, devido aos protocolos de segurança contra a covid-19.

Fonte: R7

30 de julho de 2021 Gravatal firma convênio para participar do projeto reciclando medicamentos

Gravatal firma convênio para participar do projeto reciclando medicamentos

município de Gravatal firmou convênio nesta quarta-feira (28/07) com o Centro Universitário Barriga Verde (Unibave) para participar do Projeto Reciclando Medicamentos. Serão 10 caixas coletoras que serão disponibilizados nas Unidades de Saúde da Família, na Farmácia Central e ainda nas farmácias particulares do município, para recolhimento de medicamentos em desuso ou vencidos.

O prefeito de Gravatal, Clei Rodrigues, e a secretaria de Saúde, Maria Calegari, estiveram assinando o convênio junto com reitor do Unibave, Guilherme Valente de Souza, da coordenadora do projeto e do curso de Farmácia, Tamirys Schulz Westphal, e o pró-reitor administrativo, Dimas Ailton Rocha.

O reitor do Unibave, Guilherme Valente de Souza, reforça que o projeto beneficia a população desfavorecida economicamente e traz benefícios ambientais. “Com o projeto temos a garantia do descarte correto de medicamentos vencidos, evitando danos ambientais”, disse o reitor.

30 de julho de 2021 Deputada Carmen Zanotto sinaliza investimento de R$ 100 mil para a Saúde de São Martinho

Deputada Carmen Zanotto sinaliza investimento de R$ 100 mil para a Saúde de São Martinho

São Martinho recebeu a visita da deputada federal Carmen Zanotto, do Cidadania, durante a manhã desta quinta-feira, dia 29 de julho. Recepcionada no gabinete do prefeito Robson Jean Back, a parlamentar entregou ao gestor um documento que sinaliza R$ 100 mil para investimentos no setor da saúde municipal.

“É uma alegria muito grande receber visitas como a da deputada Carmen Zanotto. Em breve, mais R$ 100 mil poderão ser investidos na saúde de nossa cidade, melhorando ainda mais o serviço dedicado a toda população. Agradeço a todos os envolvidos em mais essa conquista.”, declarou o prefeito.

Além do prefeito Robson, prestigiaram a vinda da deputada federal o vice-prefeito Jerry Luiz Steiner (PL), o ex-vereador Newton Knabben e outras lideranças do Cidadania. Durante o encontro, todos os participantes usaram máscara de proteção individual e mantiveram os cuidados sanitários de prevenção a Covid-19.

Open chat
Entre em contato conosco! =)