site loader
16 de março de 2021 Amurel chega a 600 mortes pela covid-19

Ontem, a Amurel chegou ao número de 600 mortes por complicações decorrentes da covid-19, desde o início da pandemia. É como se a pandemia tivesse matado o número de pessoas que lotariam 15 ônibus. Em dados divulgados pelas secretarias de Saúde da Amurel, em 72h a região contabilizou 12 novas mortes devido à covid-19.

Oito delas em Tubarão, sendo três homens, de 65, 66 e 74 anos; além de cinco mulheres, de 59, 63, 71, 74 e 78 anos. Braço do Norte teve três óbitos nas últimas 24h, sendo uma mulher de 71 anos e dois homens de 54 e 67 anos. Além disso, Jaguaruna também contabilizou o falecimento de um homem de 72 anos.

Ao todo, já foram contaminados pela doença, desde março de 2020, 49.828 moradores da Amurel. Destes, recentemente entrou para a estatística o vice-prefeito de São Ludgero, Benício Warmeling, o Nisso. Ele testou positivo para a covid-19 e foi internado no Hospital Santa Teresinha, em Braço do Norte. A informação foi confirmada pela família. Nisso, de 65 anos, está em leito clínico com oxigênio. Segundo a filha, Perla Warmeling, a situação é delicada e requer muito cuidado. “O vírus atingiu fortemente os pulmões. A situação é instável”, revela.

Dos curados na Amurel, após terem sido infectados pelo coronavírus no último ano, a Amurel já registrou 47.520 pessoas que venceram a doença.

Fonte: Engeplus

Open chat
Entre em contato conosco! =)